Confira Como Evitar Picadas de Escorpiões

Confira Como Evitar Picadas de Escorpiões

Confira Como Evitar Picadas de Escorpiões –  Os escorpiões possuem hábitos noturnos e vivem em locais propícios para o surgimento de insetos, tais como baratas, que são seus principais alimentos. Portanto, é importante manter o ambiente livre de baratas se você não quiser ter problemas com escorpiões. Procure manter o ambiente limpo e faça a dedetização no mínimo uma vez ao ano, mas atenção escolha apenas dedetizadora ou empresa de controle de pragas licenciadas pela Vigilância Sanitária, essa é uma das garantias que você estará adquirindo serviço com métodos e processos seguros, evitando qualquer risco de intoxicação para os seus familiares e/ou funcionários.

As duas espécies de escorpiões mais comuns em São Paulo são o Escorpião Amarelo, conhecido cientificamente como Tityus serrulatus e o Escorpião Marrom também chamado de Tityus bahienses, podem sobreviver longos períodos sem comida e água, escondidos em lugares escuros e úmidos, como frestas, fendas, atrás de móveis, calçados, roupas, panos, redes de esgoto, fossas, entulhos – madeiras, tijolos, telhas, pedras – e outros.

Podem proliferar quando encontram ambientes favoráveis. O combate de escorpião por meio de inseticidas ou outros agentes químicos é muito difícil, por isso é imprescindível que o profissional que for realizar o tratamento contra escorpião faça a escolha certa do produto a ser utilizado. Para evitar a sua proliferação, também é importante combater as baratas, alimento preferido dos escorpiões.

Esses animais não são agressivos e causam acidentes apenas quando tocados ou comprimidos contra o corpo. Em São Paulo, são encontradas duas espécies que podem causar acidentes graves: Escorpião Amarelo (Tityus serrulatus)Escorpião Amarelo (Tityus serrulatus): escorpião que possui a maior parte do corpo de coloração amarela. Tem veneno muito tóxico, podendo levar à morte (dor, suor e vômitos intensos, pulso lento, falta de ar intensa e choque);

Escorpião Marrom (Tityus bahiensis)Escorpião Marrom (Tityus bahiensis): conhecido como Escorpião Marron. Seu veneno é tóxico, e pode causar acidentes moderados (dor intensa, possíveis vômitos, suor, agitação, taquicardia, hipertensão arterial) com pouca gravidade.

A Maioria da Picada de Escorpião Ocorre Quando:

Colocamos calçados sem verificar se há presença de escorpião.
Removemos madeiras e entulhos com as mãos desprotegidas.
Usamos toalhas ou roupas sem vistoriar.
Dormimos em camas próximas à parede.
Deixamos roupas de cama encostadas no chão.

A gravidade de uma picada de escorpião é também em função do número de inoculações efetuadas, pelo mesmo, durante a agressão. Dispersam-se passivamente agarrados aos troncos de árvores levados pelas madeireiras, dentro de caixas de madeira, acompanhando alimentos como frutas, ou objetos, no interior de vagões ferroviários ou de certos tipos de caminhões, junto às cargas. Portanto, saber informações de como combater os escorpiões é uma das medidas para evitar acidentes com essa praga.

Principais medidas para prevenir Picadas de Escorpião

Manter limpos quintais e jardins, não acumulando folhas secas, lixo e entulhos. Colocar o lixo em sacos plásticos fechados, para evitar baratas e outros insetos. Conservar camas e berços afastados, no mínimo, 10 centímetros da parede. Evitar que roupas de cama toquem o chão. Não colocar as mãos nuas em buracos no solo, sob pedras, troncos podres ou pedaços de madeira, tijolos e telhas empilhadas. Não pendurar roupas na parede. Verificar cuidadosamente calçados, roupas, toalhas e roupas de cama, antes de usá-los.

Limpar periodicamente ralos de banheiro, cozinha e caixas de gordura. Rebocar frestas nas paredes, móveis e rodapés, para que não apresentem vãos. Usar telas nas aberturas dos ralos, pias e tanques ou vedar de qualquer outra forma, impedindo uma de suas principais vias de acesso nas residências. Proteger os predadores naturais dos escorpiões, como calangos, lagartixas, lacraias, corujas, sapos, macacos e galinhas. Manter as áreas limpas ao redor das residências, não acumular lenha e outros materiais que possam servir de abrigo para os escorpiões. Remanejar periodicamente material de construção que esteja armazenado, usando luvas de raspa de couro para proteger as mãos.

Principais sintomas da Picada de Escorpião

Podem surgir um ou mais dos seguintes sintomas:

Dor intensa no local da picada, que se espalha por todo o membro. Náuseas, vômitos e salivação intensa. Alterações cardíacas e circulatórias. A gravidade da picada de escorpião depende dos seguintes fatores: Espécie do escorpião. Idade da vítima (crianças até 14 anos e idosos compreendem o grupo de maior risco). Presença de doença cardíaca. Sensibilidade da vítima ao veneno do escorpião.

O que fazer se for picado por escorpião?

Procure a Unidade de Saúde mais próxima. Se possível, capture o escorpião com cuidado e leve-o para identificação, em um recipiente seguro. Comunique e solicite à Secretaria Municipal de Saúde do seu município uma vistoria para receber outras orientações. Nunca faça isso: Soluções caseiras e automedicação podem ser fatais e não devem ser realizadas.


Construsul Dedetizadora Porto Alegre: Confira Como Evitar Picadas de Escorpiões

Dedetizadora Porto Alegre


Dedetizadora Porto Alegre


Construsul: Confira Como Evitar Picadas de Escorpiões

Confira Como Evitar Picadas de Escorpiões

www.construsuldesentupidora.com.br

www.desentupidoraemportoalegre.com.br

Whatsapp. 99802-4242 / Tel. 3094.2083


Dedetizadora Porto Alegre, Empresa de Dedetizadora, Serviço de Dedetizadora, Dedetização Porto Alegre, Empresa de Dedetização, Serviço de Dedetização, Dedetizadora Porto Alegre Zona Norte, Dedetizadora Porto Alegre Zona Sul, Dedetizadora Porto Alegre 24 Horas, Desratizadora Porto Alegre, Desratização Porto Alegre, Descupinizadora Porto Alegre, Descupinização Porto Alegre, Desinsetizadora Porto Alegre, Desinsetização Porto Alegre, Controle de Pragas Porto Alegre, Cupins, Ratos, Baratas, Pulgas, Carrapatos, Traças, Aranhas, Percevejos, Formigas, Escorpião, Mosquitos, Moscas